©Todos os direitos reservados. Cia.Pessoal do Faroeste 2020.

Espetáculo "Cine Camaleão - A boca do Lixo"

        "Eu quero ser a musa da boca, da nova fase da boca”, anuncia Wanda Scarlatti, personagem da atriz Mel Lisboa, numa das primeiras cenas do espetáculo Cine Camaleão – A Boca do Lixo, da Cia Pessoal do Faroeste, que estreou em outubro de 2011, e volta em temporada. A fala parece mais um presságio: o grupo de teatro se mudou em fevereiro deste ano para a Rua do Triunfo, no coração do lugar que já foi considerado a bollywood Brasileira, a Boca do Lixo.  Com esse projeto, a Cia começou a enveredar também pelo cinema. Já surgiram conversas com o rei da pornochanchada, David Cardoso. Seria esta uma nova fase da Boca?

1/2

 

Apresentações encerradas

FICHA TÉCNICA



Direção Geral e Dramaturgia: Paulo Faria

Elenco: Beto Magnani, Juliana Fagundes, Lorenna Mesquita, Mel Lisboa, Roberto Leite e Thais Aguiar
Direção de arte: Paulo Faria
Cenário e Figurino: F. E. Kokocht e Paulo Faria
Visagismo: Salão C. Kamura
Maquiadores: Márcio Granado e Natália Alves
Iluminação: Dário José, Paulo Faria e Tomate Saraiva
Direção de Vídeo: Dário José e Sérgio “Pizza” Gambier
Canção original: Eliseu Paranhos
Trilha: Felipe Roseno (filme) e Pessoal do Faroeste (jingle, vinhetas, paisagens sonoros – criadas com elenco em sala de ensaio sob regência de Denise Venturini)
Consultoria som\áudio: Paulo Gianini
Pessoal do Faroeste equipe técnica e de produção das peças
Preparação Vocal: Denise Venturini
Preparação Percussiva: Jorge Peña
Preparação Física: Érika Moura
Produção Executiva: Cris Amorim e Heitor Vallim
Produção Técnica: Cris Amorim e Alexadre Dellou
Direção de Produção: Ana Nero
Fotos : Lenise Pinheiro
Assessoria de Imprensa: Adriana Monteiro (Ofício das letras)

Patrocínio: Lei de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo / Secretaria Municipal de Cultura / Prefeitura de São Paulo.aiva